O impacto do ecodesign no processo de desenvolvimento de produtos

Ricardo Oselame Schiochet

Resumo


O presente artigo pretende investigar de que forma as mudanças no comportamento do mercado e o crescimento da consciência ambiental tem feito com que os consumidores mudem sua postura e exijam das empresas uma readequação de processos com vistas a adotar métodos de gestão mais alinhados com a questão da sustentabilidade e principalmente dos impactos ambientais de suas ações. Sendo assim, o principal objetivo deste artigo é compreender de que maneira empresas de diferentes segmentos estão implementando os conceitos e ferramentas de ecodesign em seus processos de desenvolvimento de produto. Para tanto, foi realizado um levantamento teórico em periódicos da área, além de um estudo exploratório de campo baseado em entrevistas em profundidade, que mostrou que a motivação das empresas para a adoção de práticas de ecodesign ainda é limitada a cumprir exigências legais, ou como forma de redução de custos. Sob uma perspectiva mercadológica percebe-se que o marketing exerce pouca influência na relação entre o ecodesign e o processo de desenvolvimento de produtos.  

 

This article intends to investigate how changes in market behavior and the growth of environmental awareness have made consumers to change their posture and demand from companies a process readjustment with a view to adopt management methods more in line with sustainability and especially the environmental impacts. Therefore, the main objective of this article is to understand how companies from different segments are implementing ecodesign concepts and tools in their product development processes. For that, a theoretical survey was carried out, as well as an exploratory field study based on in-depth interviews, which showed that the motivation of companies for the adoption of ecodesign practices is still limited to complying legal requirements, or as way of reducing costs.  From a marketing perspective, it is perceived that marketing has little influence on the relationship between ecodesign and product development process.



Palavras-chave


Sustentabilidade; Desenvolvimento de produtos; Ecodesign;

Texto completo:

PDF

Referências


ABRATT, Russell; SACKS, Diane. The Marketing Challenge: Towards being profitable and socially responsible. Journal of Business Ethics, vol. 7, pp. 497-507, 1988.

BOKS, Casper. The soft side of eco-design. Journal of Cleaner Production, vol. 14, n. 15/16, pp. 1346-1356, 2006.

BREZET, Han; VAN HEMEL, C. Ecodesign: a promising approach to sustainable production and consumption. Paris: UNEP, 1997.

BRONES, Fabien; DE CARVALHO, Marly Monteiro; DE SENZI ZANCUL, Eduardo. Ecodesign in project management: a missing link for the integration of sustainability in product development? Journal of Cleaner Production, vol. 80, pp. 106-118, 2014.

CARDOSO, Rafael. Uma introdução à história do design. Editora Blucher, 3ª edição. São Paulo – SP, 2008.

CHAMORRO, A. El etiquetado ecológico: un análisis de su utilización como instrumento de marketing. Tese doutoral, Universidade de Extremadura, Badajoz, Espanha, 2003.

DA SILVA, Edna Lúcia; MENEZES, Estera Muszkat. Metodologia da pesquisa e elaboração de dissertação, 4ª edição. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2005.

EHRENFELD, John; LENOX, Michael J. The development and implementation of DfE programmes. Journal of Sustainable Product Design, vol. 1, n. 1, pp.17–27, 1997.

GONZAGA, Carlos Alberto Marçal. Marketing Verde de Produtos Florestais: teoria e prática. Floresta, vol. 35, n. 2, mai/ago, 2005.

GUELERE FILHO, Américo. Integração do Ecodesign ao Modelo Unificado para a Gestão do Processo de Desenvolvimento de Produtos: Estudo de caso em uma grande empresa da linha branca. Tese de Doutorado. Escola de Engenharia de São Carlos – USP. São Carlos, 2009.

ISO - International Organization for Standardization, ISO 14006:2011 - Environmental management systems - Guidelines for incorporating ecodesign, 2011. Disponível em: Acesso em 29 de novembro de 2018.

JOHANSSON, Glenn. Incorporating environmental concern in product development: a study of project characteristics. Management of Environmental Quality: An International Journal, vol. 17, n.4, pp. 421-436, 2006.

KARLSSON, Reine; LUTTROPP, Conrad. Ecodesign: what’s happening? An overview of the

subject area of Ecodesign and of the papers in this special issue. Journal of

Cleaner Production, vol. 14, pp. 1291–8, 2006.

KNIGHT, Paul; JENKINS, James O. Adopting and applying eco-design techniques: a practitioner’s perspective. Journal of Cleaner Production, vol. 17, pp. 549-558, 2009.

KUBOTA, Flavio Issao; DE SOUZA CAMPOS, Lucila Maria; MIGUEL, Paulo Augusto Cauchick. Uma análise preliminar das contribuições da modularidade em produto ao ecodesign. Produção Online, vol.14, n. 2, pp. 560-592, 2014.

LUTTROPP, Conrad; LAGERSTEDT, Jessica. EcoDesign and The Ten Golden Rules: generic advice for merging environmental aspects into product development. Journal of Cleaner Production, vol. 14, pp. 1396-1408, 2006.

MALHOTRA, Naresh K. Pesquisa de Marketing: uma orientação aplicada. 6ª ed., Porto Alegre: Bookman, 2012.

MANZINI, Ezio; VEZZOLI, Carlo Arnaldo. O Desenvolvimento de Produtos Sustentáveis: Os Requisitos Ambientais dos Produtos Industriais. 1ª edição, São Paulo: Edusp, 2008.

MOTTA, Sérgio Luis Stirbolov; ROSSI, Georgio Bedinelli. A influência do fator ecológico na decisão de compra de bens de conveniência: um estudo exploratório na cidade de São Paulo. Revista de Administração de Empresas (RAE), vol. 38, n. 1, pp. 46-57, 2003.

NIELSEN, Per H.; WENZEL, Henrik. Integration of environmental aspects in product development: a stepwise procedure based on quantitative life cycle assessment. Journal of Cleaner Production, vol. 10, n.3, pp. 247-257, 2002.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS. Nosso Futuro Comum (1987). Disponível em: . Acesso em 22 de maio 2018.

OTTMAN, Jacquelyn A. The new rules of green marketing – strategies, tools and inspiration for sustainable branding. On-line ed. New York: Greenleaf Publishing, 2011. Disponível em: . Acesso em: 15 de maio 2018.

OTTMAN, Jacquelyn A. Green marketing: opportunity for innovation, 1998. On-line ed. New York: NTC-McrawHill. Disponível em: . Acesso em 15 de maio de 2018.

PEATTIE, Ken; CRANE, Andrew. Green Marketing: legend, myth, farce or prophesy? Qualitative Market Research: An International Journal, vol. 8 n.4, pp. 357-70, 1997.

PIGOSSO, Daniela Cristina Antelmi; MCALOONE, T. C.; ROZENFELD, H. Characterization of the state-of-the-art and identification of main trends for Ecodesign Tools and Methods: Classifying three decades of research and implementation. Indian Institute of Science Journal, vol. 94, n. 4, pp. 405-427, 2015.

ROUSSEAUX, Patrick, et al. “Eco-tool-seeker”: A new and unique business guide for choosing ecodesign tools. Journal of Cleaner Production, vol. 151, pp. 546-577, 2017.

ROSSI, Marta; GERMANI, Michele; ZAMAGNI, Alessandra. Review of ecodesign methods and tools. Barriers and strategies for an effective implementation in industrial companies. Journal of Cleaner Production, vol. 129, pp. 361-373, 2016.

SROUFE, Robert et al. The new product design process and design for environment “Crossing the chasm”. International Journal of Operations and Production Management, vol. 20, n. 2, pp. 267-291, 2000.

VENZKE, Claudio Senna. A situação do ecodesign em empresas moveleiras da região de Bento Gonçalves – RS: análise da postura e das práticas ambientais. Dissertação (Mestrado em Administração) – Programa de Pós-Graduação em Administração. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2002.

VERMEULEN, Walter J.V.; RAS P.J. The challenge of greening global product chains:

meeting both ends. Journal of Sustainable Development, vol. 14, pp. 245–56, 2005.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2010.




DOI: https://doi.org/10.28950/1981-223x_revistafocoadm/2019.v12i1.634

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Revista Foco

e-ISSN: 1981-223x 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.