A Comunicação Pública como abordagem teórica empírica na estratégia de comunicação em uma instituição de ensino superior.

Klinger Pereira, Flávia Luzia Oliveira da Cunha Galindo

Resumo


O presente artigo aborda a experiência de um estudo de caso que buscou no pensamento da Comunicação Pública (CP) propor uma política de comunicação para uma Instituição Federal de Ensino Superior (IFES), que desde sua fundação, 1910, não possui um documento oficial de comunicação para relacionamento com públicos estratégicos. Logo, com base na técnica de pesquisa auditoria de comunicação organizacional, uma abordagem de caráter qualitativo esquadrinhou as ambivalências internas e externas da comunicação organizacional e levantou o conjunto de recursos humanos, produtos e tecnologias que compõem o sistema de comunicação da IFES. Os resultados mostram as particularidades destes elementos e exemplifica de que maneira a Comunicação Pública pode ser adota como recurso estratégico em IFES, e por conseguinte, na Administração Pública brasileira. 

 

The present article approaches the experience of a case study that sought in the thought of the Public Communication (CP) to propose a communication policy for a Federal Institution of Higher Education (IFES), that since its foundation, 1910, does not have an official document of communication with strategic audiences. Therefore, based on the research technique of organizational communication auditing, a qualitative approach scrutinized the internal and external ambivalences of organizational communication and raised the set of human resources, products and technologies that make up the IFES communication system. The results show the particularities of these elements and exemplifies how Public Communication can be adopted as a strategic resource in IFES, and therefore, in the Brazilian Public Administration.


Palavras-chave


Comunicação pública; Comunicação Organizacional; Planejamento Estratégico de Comunicação; Política de Comunicação

Texto completo:

PDF

Referências


ANSOFF, H. Igor.; MCDONNELL, Edward J.. Implantando a administração estratégica. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1993.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2011. 279p.

BARROS, Antonio Teixeira de.; BERNARDES, Cristiane Brum. Contribuições francesas ao debate brasileiro sobre comunicação pública. Anais da Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação XXXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação – Curitiba, PR – 4 a 7 de setembro de 2009.

BELTRAME, Marcela Monteiro de Lima Lin; ALPERSTEDT, Graziela Dias. Construção de política de comunicação em instituições de educação profissional, científica e tecnológica: uma proposta com base na experiência do IFSC. Revista de Gestão e Tecnologia, Florianópolis – SC, v. 5 I, n. 2, p. 14-26. abr./jun. 2015. Disponível em: . Acesso em: 15 fev. 2016.

BRANDÃO, Elizabeth Pazito. Conceito de comunicação pública. In DUARTE, Jorge (organizador). Comunicação Pública: Estado, sociedade e interesse público / Jorge Duarte, organizador. – 2. ed – São Paulo: Atlas, 2012.

BRASIL. Instrução Normativa n°5 de junho de 2011 – SECOM – Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República. Dispõe sobre a conceituação das ações de comunicação do Poder Executivo Federal e dá outras providências. Disponível em:

BUENO, Wilson da Costa. Auditoria de imagem das organizações: teoria e prática. São Paulo: All Print Editora: Mojoara, 2012.

______________. Comunicação Empresarial: políticas e estratégias. – São Paulo: Saraiva, 2009.

CASTELLS, Manuel. 1942 – O poder da comunicação. Tradução de Vera Lúcia Mello Joscelyne; revisão de tradução de Isabela Machado de Oliveira Fraga. - 1ª ed. – São Paulo/Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015. il.

______________. A sociedade em rede. Tradução: Roneide Venâncio Majer. – (A era da informação: economia, sociedade e cultura; v1) São Paulo: Paz e Terra, 1999. p.

DAFT, Richard L. Administração. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2005.

DUARTE, Jorge. Entrevista em profundidade. In: DUARTE, JORGE.; BARROS, Antonio. Métodos e técnicas de pesquisa em comunicação. 2 ed. 8. Reimpr. – São Paulo: Atlas, 2015.

DUARTE, Jorge. Comunicação Pública: Estado, sociedade e interesse público. 2. ed. – São Paulo: Atlas, 2012.

GALINDO, Flávia.; PEREIRA, Klinger. A Emergência da Comunicação Pública nas Ciências Sociais: um estudo bibliométrico. Revista Sodebras. Volume 28, ano 2017.

GOLDHABER, Gerald M. Organizational Communication. Traductor: José Manuel Blaguer – 1984, Editorial Diana, S.A., Roberto Gayol 1219, México 12 D. F. – Impreso em México – Printed in Mexico. 8ª impresíon, abril de 1999. pag. 23.

GOLDSMITH, Stephen.; EGGERS, William D. Governar em rede: o novo formato do setor público. Brasília / São Paulo: ENAP / Unesp, 2006.

GONÇALVES, Elizabeth Moraes.; SILVA, Marcelo da. A comunicação organizacional em tempos de redes sociais digitais. In: BUENO, Wilson da Costa. Estratégias de comunicação nas mídias sociais. Barueri, SP: Manole, 2015.

FILHO, Antonio Luiz de Medina.; SIQUEIRA, Denise da Costa Oliveira.; REBELLO, Patrícia. Comunicação, organizações e cultura digital. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2015. 272 p.

KOTLER, Philip. Administração de marketing. Tradução Sônia Midori Yamamoto: revisão técnica Edson Crescitelli. – 14 ed. – São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2012.

KUNSCH, Margarida M. Krohling. Planejamento de relações públicas na comunicação integrada. 6 ed. revista - São Paulo: Summus, 2016. (Novas buscas em comunicação; v.17).

_______________. Auditoria de Comunicação Organizacional. In: DUARTE, Jorge.; BARROS, Duarte. Métodos e técnicas de pesquisa em comunicação. 2 ed. – 8. reimpr. – São Paulo, 2015.

LARA, Maurício. As sete portas da comunicação pública – como enfrentar os desafios de uma assessoria. Belo Horizonte: Gutemberg, 2003.

LÉVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo: Editora 34, 1999. 264p. (Coleção TRANS) – 7ª. Edição.

LÓPEZ, Juan Camilo Jaramillo López. Proposta geral da comunicação pública. In: DUARTE, Jorge. Comunicação Pública: Estado, sociedade e interesse público. 2. ed. – São Paulo: Atlas, 2012.

LUPETTI, Marcélia. Gestão estratégica da comunicação mercadológica: planejamento / Marcélia Lupetti. – 2 ed. – São Paulo: Cengage Learning, 2012.

MATOS, Heloiza. A Comunicação Pública no Brasil e na França: desafios conceituais. Anais Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação. XXXII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação – Curitiba, PR – 4 a 7 de setembro de 2009.

MOTTA, Fernando C. Prestes. Teoria geral da administração: uma introdução. 22. ed., ampl. São Paulo: Pioneira, c1998. 230p.

NEVES, Roberto de Castro. Comunicação empresarial integrada: como gerenciar: imagem, questões públicas, comunicação simbólica, crises empresariais. Rio de Janeiro: Mauad, 2000.

OLIVEIRA, Maria José da Costa. Comunicação Pública. Campinas, SP: Editora Alínea, 2004. – (Coleção Comunicação, Cultura e Cidadania).

OLIVEIRA, Maria José da Costa.; MATOS, Heloiza. Comunicação Organizacional e sua Interação com a Comunicação Pública. Anais Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação. XXXVII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação – Foz do Iguaçu, PR – 2 a 5/9/2014.

PEREIRA, Luiz Carlos Bresser. Da administração pública burocrática à gerencial. Revista do Serviço Público. Brasília: Ano 47, Volume 120, N.1. Jan-abr. 1996.

PIETRO, Maria Sylvia Zanella Di. Direito administrativo. 27. ed. São Paulo: Atlas, 2004.

PITTERI, Sirlei. Planejamento estratégico em comunicação empresarial. São Paulo: Editora STS, 2008.

ROESCH, Sylvia Maria Azevedo. Projetos de estágio e de pesquisa em administração: guia para pesquisas, projetos, estágios e trabalho de conclusão de curso. São Paulo: Atlas, 1996.

SILVA, Reinaldo Oliveira da. Teorias da Administração. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.

SOBRAL, Filipe. Administração: teoria e prática no contexto brasileiro . Alketa Peci. 2. ed. – São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2013.

THAYER, Lee Osborne. Comunicação: fundamentos e sistemas na organização, na administração, nas relações interpessoais. Tradução de Esdras do Nascimento e Sônia Coutinho. São Paulo, Atlas, 1979.

TORQUATO, Gaudêncio. Comunicação nas organizações: empresas privadas, instituições e setor público. São Paulo: Summus, 2015. 248 p.: il.

___________. Tratado de Comunicação Organizacional e Política. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.

ZEMOR, Pierre. “La Communication Publique – Que sais-je?”. Tradução resumida do livro: Prof. Dra. Elizabeth Brandão Edição 4. São Paulo: Editora – PUF, 2008.




DOI: https://doi.org/10.28950/1981-223x_revistafocoadm/2018.v11i2.560

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Revista Foco

e-ISSN: 1981-223x 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.