O PSICÓLOGO ORGANIZACIONAL E DO TRABALHO NA GESTÃO DE PESSOAS: perspectiva ética como competência primordial

Bruno Visc, Eveli Freire Vasconcelos, Eduardo Pellicioli

Resumo


Este artigo é uma revisão reflexiva da literatura especializada em Psicologia Organizacional e do Trabalho (POT) e tem como objetivo permitir uma visão geral sobre a atuação na área, enfatizar a prática profissional em gestão e distinguir a ética como uma pauta imprescindível. Em sua elaboração, foram referenciados estudos teóricos e empíricos. Em meio ao atual cenário brasileiro e aos inúmeros desafios impostos às organizações e a seus profissionais, são propostas reflexões no sentido de contribuir com a criação de estratégias de transformação da situação organizacional, a partir da formação e do desenvolvimento de competências. Por fim, a discussão traz a ética como um fenômeno que constitui o arsenal de competências, capaz de contemplar as reais necessidades de ação da gestão de pessoas no ambiente organizacional, ampliando suas possibilidades de intervenção e indicando as oportunidades de pesquisa voltadas à temática.

 

This paper brings a reflective review of the content related to the Work and Organizational Psychology (WOP) and the purpose is to provide an overview of an update in the field, emphasize a professional practice in management and distinguish ethics as an essential topic. For its elaboration, both theoretical and empirical studies were referenced. Considering the current Brazilian scenario and the numerous challenges imposed on organizations and their professionals, reflections are proposed in order to contribute to the creation of a strategy for transforming the organizational situation, based on training and skills development. Lastly, the discussion points to ethics as a phenomenon that constitutes the arsenal of competences, able to contemplate the real needs for action by the management people in the organizational environment, expanding the possibilities of intervention indicating the opportunities of research focused on the subject.


Palavras-chave


Psicologia Organizacional e doTrabalho; Ética; Competência

Texto completo:

PDF

Referências


AZEVEDO, B. M. de; BOLOME, S. P. Psicólogo organizacional: aplicador de técnicas e procedimentos ou agente de mudanças e de intervenção nos processos decisórios organizacionais? Rev. Psicol., Organ. Trab., Florianópolis, v. 1, n. 1, jun. 2001.

BASTOS, A. V. B.; YAMAMOTO, O. H.; RODRIGUES, A.C.A. Compromisso social e ético: desafios para a atuação em Psicologia Organizacional e do Trabalho. In: Borges, L. O.; Mourão, L. (Org.). O trabalho e as organizações: atuações a partir da Psicologia. 1 ed. Porto Alegre: Artmed, 2013, v. 1, p. 25-52.

BHABHA, H. K. O local da cultura. Belo. Horizonte: UFMG, 1998.

RODRIGUES, A. C. A; BASTOS, A. V. B.; Compromisso social e ética. In: Bendassolli P.F.; Borges-Andrade, J.B. (Org.). Dicionário de Psicologia do Trabalho e das Organizações. 1 ed. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2015, p. 209-215

BORGES, L. de O.; OLIVEIRA, A. C. F. de; MORAIS, L. T. W. A. de. O exercício do papel profissional na Psicologia Organizacional e do Trabalho. Rev. Psicol., Organ. Trab., Florianópolis, v. 5, n. 2, dez. 2005.

BRUSEKE, F. J. Ética e técnica? Dialogando com Marx, Spengler, Jünger, Heidegger e Jonas. Ambient. soc., Campinas, v. 8, n. 2, dez. 2005.

COELHO-LIMA, F.; COSTA, A. L. F.; YAMAMOTO, O. H. O exercício profissional do psicólogo do trabalho e das organizações: uma revisão da produção científica. Rev. Psicol., Organ. Trab., Florianópolis, v. 11, n. 2, dez. 2011.

FERNANDES, K. R.; ZANELLI, J. C. O processo de construção e reconstrução das identidades dos indivíduos nas organizações. Rev. adm. contemp., Curitiba, v. 10, n. 1, mar. 2006.

GONDIM, S. M. G.; SOUZA, J. J.; PEIXOTO, A. L. A. Gestão de pessoas. In: O trabalho e as organizações: atuações a partir da psicologia. Lívia de Oliveira Borges e Luciana Mourão (Orgs.). Porto Alegre: Artmed, 2013.

JONAS, H. O Princípio Responsabilidade: Ensaio de uma Ética para a Civilização Tecnológica. Rio de Janeiro: Contraponto, ed. PUC-Rio, 2011.

LÚCIO, C.G. Desafios para o crescimento e o emprego. Estudos Avançados 29 (85), 2015. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142015000300003>.

MACIEL, J. C. A ciência psicológica em primeira pessoa: o sentido do método heurístico de Clark Moustakas para a pesquisa em psicologia. Tese de Doutoramento em Psicologia. Campinas: PUC-Campinas, 2004.

MEDEIROS, G. A. Por uma ética na saúde: algumas reflexões sobre a ética e o ser ético na atuação do psicólogo. Psicol. cienc. prof., Brasília, v. 22, n. 1, Mar. 2002.

SCHMIDT, B.; KRAWULSKI, E.; MARCONDES, R. C. Psicologia e Gestão de Pessoas em Organizações de Trabalho: investigando a perspectiva estratégica de atuação. Revista de Ciências Humanas, [S. l.], v. 47, n. 2, p. 344-361, out. 2013. ISSN 2178-4582.

SILVA, N; ZANELLI, J. C; TOLFO, S. R. Dilemas éticos na atuação do Psicólogo Brasileiro. In: BASTOS, A.V; GONDIM, S. M. G. (Org.). O Trabalho do Psicólogo no Brasil: um exame a luz das categorias da psicologia organizacional e do Trabalho. Porto Alegre: Artmed, 2010. p. 285-304.

TONETTO, A. M.et al. Psicologia organizacional e do trabalho no Brasil: desenvolvimento científico contemporâneo. Psicol. Soc., Porto Alegre, v. 20, n. 2, ago.  2008.

ZANELLI, J. C. O psicólogo nas organizações de trabalho. Porto Alegre: Artmed. 2002

ZANELLI, J.C.; BASTOS, A.V.B. Inserção profissional do psicólogo em organizações e no trabalho. In: Psicologia, organizações e trabalho no Brasil. In: ZANELLI, J. C., BORGES-ANDRADE, J. E. &BASTOS, A. V. B. Psicologia, organizações e trabalho no Brasil. Porto Alegre: Artmed, 2004.

ZANELLI, J. C., BASTOS, A. V. B.; RODRIGUES, A. C. A. Campo profissional do psicólogo em organizações e no trabalho. In: ZANELLI, J. C., BORGES-ANDRADE, J. E. & BASTOS, A. V. B. Psicologia, organizações e trabalho no Brasil. Porto Alegre: Artmed, 2ª ed., 2014.

ZANELLI, J. C.; SILVA, N. Interação humana e gestão: a construção psicossocial das organizações de trabalho. São Paulo: Casa do Psicólogo, 2008.




DOI: https://doi.org/10.28950/1981-223x_revistafocoadm/2017.v10i3.414

##plugins.generic.alm.title##

##plugins.generic.alm.loading##

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017

e-ISSN: 1981-223x 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.